A paisagem furtada
Uma nova tendência contribui para a degradação da região
.

A exemplo do resto do país - que vai chegando com tudo em nossa região à medida em que se facilita o acesso -,chega também o impulso de se esconder atrás de muros e portões cada vez mais altos e fechados, empobrecendo, "urbanizando" e enfeiando a paisagem local e dificultando o desfrute visual da natureza - nosso principal patrimônio e base do turismo local. .

Basta comparar as duas fotos acima para perceber o potencial de degradação visual que essa tendência já vai deflagrando na região, e projetar o resultado para daqui a 5, 20 ou 50 anos.

Portões como este também começam a se tornar moda nas localidades da região. É paradoxal que, ao mesmo tempo em que as pessoas se acautelam sofrivelmente contra os efeitos do aumento populacional e da violência na região, elas mesmas evitam ajudar a comunidade - especialmente a juventude - a se preparar para enfrentar os tremendos fatores de descontrole socioambiental que se avizinham e mais se avolumarão nas próximas décadas, e que prometem atingir a todos, indistintamente.